Destino, de Ally Condie

Demorou, mas vai sair!

Antes de começar a falar do livro, peço que quem ainda não viu, veja outro post sobre ele na coluna Booktour (para ver clique aqui).

Outra coisa, domingo passado lancei uma enquete para mapear as preferências literárias de vocês que me acompanham por aqui, por favor, quem não tiver respondido passa lá. É super rapidinho 🙂

Sinopse:

Cassia tem absoluta confiança nas escolhas da Sociedade. Ter o destino definido pelo sistema é um preço pequeno a se pagar por uma vida tranquila e saudável, um emprego seguro e a certeza da escolha do companheiro perfeito para se formar uma família. Ela acaba de completar 17 anos e seu grande dia chegou: o Banquete do Par, o jantar oficial no qual será anunciado o nome de seu companheiro. Quando surge numa tela o rosto de seu amigo mais querido, Xander – bonito, inteligente, atencioso, íntimo dela há tantos anos -, tudo parece bom demais para ser verdade.Quando a tela se apaga, volta a se acender por um instante, revelando um outro rosto, e se apaga de novo, o mundo de certezas absolutas que ela conhecia parece se desfazer debaixo de seus pés. Agora, Cassia vê a Sociedade com novos olhos e é tomada por um inédito desejo de escolher. Escolher entre Xander e o sensível Ky, entre a segurança e o risco, entre a perfeição e a paixão. Entre a ordem estabelecida e a promessa de um novo mundo.

Esse livro ganhei na promoção do blog Lembra daquela história?, e demorei um bocado para ler. Os dois primeiros capítulos li enquanto esperava alguém para falar comigo na escola, quando estava para estagiar. Depois disso, nunca mais peguei no livro até defender a monografia.
A leitura, no geral, foi bem arrastada. Por entregar a trama completa na sinopse, esperei mesmo mais coisa do livro, o que acho que só vai acontecer no volume 2.

Como falar de um livro que entrega TUDO logo na sinopse? Antes eu não a tivesse lido. “Ah, mas a história é ruim né?” Não, não é não. O que acontece é que faltou um pouco de ação. O livro ficou gostoso de ler perto do final, quando foi revelada uma espécie de conspiração contra Cassia e Ky.

O livro tem personagens bem interessantes, que poderia ter sido melhor expostos, mesmo o livro sendo em primeira pessoa. Exemplo: Xander! Uma das pontas desse triângulo amoroso e eu só sei que ele é um bom amigo e gosta de jogos! Como assim a gente só sabe isso do melhor amigo da protagonista? E os outros amigos dela? A exemplo de Em e o resto do grupinho da segunda escola, o que a gente conhece deles? Praticamente nada.
Agora Ky tudo bem, ele é mesmo um mistério para todos.

Tirando isso, os dois personagens que me cativaram foram o avô de Cássia e Ky. Os momentos em que eles falavam eu sentia muita empatia. Cássia, por mim, pode morrer no limbo rsrsrs (tenho a tendência a odiar protagonistas tipo ela, então já viu… língua afiada!) Ah, e a funcionária do Departamento de Pares também é uma linda! Só porque ela implica com a Cássia, admito! rsrsr

As partes  dedicadas a explicar como funcionava a Sociedade são ótimas, mas acho que em certas passagens a sensação de estar lendo mais do mesmo predominou. E nossa! O que são as guerras no exterior??? Louca para pegar o segundo livro e descobrir mais sobre isso, e sobre Ky.

E, para meu gosto pessoal, faltou saber mais dos cem poemas, cem músicas, cem tudo que a Sociedade selecionou. Também gostaria de saber mais sobre o trabalho do pai de Cássia, que é um Funcionário, e da mãe dela no Arboredo. Enfim, as coisas interessantes (ressaltando mais uma vez, para mim que sou chata sim) que  ficaram de fora.

Será que Ally Condie acerta na mão no segundo livro? Veremos nos próximos capítulos/resenhas.

P.S.: achei a ideia, construção e execução da Sociedade muito boa. Vale continuar lendo por isso.

P.P.S.: essa resenha não ficou lá aquela Brastemp, mas é que realmente a sinopse é o maior spoiler ever!

Anúncios

5 thoughts on “Destino, de Ally Condie

  1. É por isso que hoje em dia eu já não leio mais as sinopses dos livros… hahah procuro uma resenha e leio só a opinião do blogueiro!!!! hahahaha É assim que decido se quero ou não um livro =D Já me arrependi por ter lido sinopses que estragavam tudo =(
    Eu gostei bastante desse livro!!! Não me importei dele ser padrão… mas confesso que fiquei muito curiosa sobre muitas coisas também – estou esperando ansiosamente a continuação!

    Beijos,
    Nanie – Nanie’s World

    • Como eu disse, as sinopses são armadilhas! E teve um livro que vi que tinha continuação, fui ler a sinopse e me deu um puta spoiler, fiquei triste pois botava fé de que uma coisa ia acontecer e vi logo que não vai =/
      É a vida! xD

      beijos

  2. Essa foi minha primeira distopia s2, então gostei muito. Era tudo novo. Ainda li a prova do livro que a Alba me emprestou. 🙂
    Faz tempo e nem lembro os detalhes (isso que dá as editoras levarem tanto tempo para publicar as sequências ¬¬). Sabe que nem liguei pra tudo o que fala a sinopse? Isso só me instigou mais e mais. Sem falar que teve uma boa divulgação na época do lançamento.

    Ultimamente, quando leio resenha nem leio sinopse, não. haha

    Ótima semana!
    @rafaschiabel
    http://lembradaquelahistoria.blogspot.com/

    • Eu lembro que vc tinha lido a prova!!! Acho que foi um pouco depois que a gente começou a se falar ^^
      As sinopses são armadilhas! Sério. Eu li e pensei que o que tava ali ia acontecer logo no começo, e depois a história ia tomando seu rumo, e não que o livro fosse a sinopse toda hauahauauaaau

      brigada Rafa
      Ótima semana pra vc também!

  3. Pingback: [TAG] O desafio dos livros – dia #6 | Nooblandia

Deixe um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s