Entrevista de George R.R. Martin (via Game of Thrones BR)

Foto por Anna Guxens

Eu comecei, finalmente, a ler As Crônicas de Gelo e Fogo.

Fazia mais de ano que eu tinha os livros em mãos e nunca lia, até que ganhei o box divo das edições pocket de Ulisses. Já tinha assistido a primeira temporada da série de TV (estou reassistindo à medida que avanço nos capítulos) e já sabia o que esperar do primeiro livro pelo menos, mas… tinha medo de começar a ler, porque minha expectativa era muito alta.

Todos os amigos e pessoas próximas eram só elogios, pessoas do meio literário (sejam canais do youtube ou blogs) também se renderam a Westeros. Eu realmente pinei com medo de estar sozinha no mundo das pessoas que não curtem as Crônicas.

Bem, dia 30, eu acho, comecei a ler meu pocket lindinho e adorei! O medo se foi e ficou uma curiosidade mórbida, queria ser como Varys e ter olhos/ouvidos em todos os lugares porque o que aparece nas páginas não são suficientes rsrsrs

Enfim, vamos ao assunto do título?!

Estava pelo twitter e vi um link com uma chamada para uma entrevista com o George R.R Martin e abri, óbvio.

A matéria completa você pode conferir na página do Game of Thrones BR. Aqui fica um trechinho:

Você já disse várias vezes que As Crônicas de Gelo e Fogo é baseado em parte na Guerra das Rosas, em que os Lancasters, cujo símbolo era uma rosa vermelha, como os Lannisters, lutaram contra a família York, que tem uma rosa branca como seu emblema, como os Starks. Podemos esperar um final semelhante para a sua saga?
Não conte com isso. Os Lancasters e Yorks lutaram até a extinção, quando os Tudors apareceram. Mas os Tudors foram realmente uma nova dinastia, não eram Lancasters. Então…
Você sabe, então, como é que vai acabar a história?
Sim. Para mim, escrever um livro é como uma longa viagem, e como qualquer viagem, eu sei o ponto em que eu vou começar a viagem e o ponto em que quero chegar. Eu também conheço um pouco da rota, como as principais cidades em que eu quero conhecer, e até mesmo alguns monumentos que eu gostaria de visitar. O que eu não sei é onde vou comer a primeira noite ou que músicas tocarão no rádio. Descubro todos os detalhes enquanto eu estou escrevendo o livro e essa é a razão pela qual eu escrevo tão lentamente: porque às vezes eu tenho que voltar e mudar certas coisas.

Leia mais: http://www.gameofthronesbr.com/2012/10/entrevista-gigantesca-com-george-r-r.html#ixzz2HA2RVm5C 
Under Creative Commons License: Attribution

P.S.: amo ainda mais o Martin porque seu personagem preferido é Tyrion ♥ Já amava ele da série de TV, mas o amor eternizou quando descobri que ele passa muito tempo lendo! Tem como não amar?!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s